VW prepara lançamento da marca R (mais desportiva)

Depois da Cupra se ter tornado independente da Seat, também a gama de modelos R vai lançar o seu grito do Ipiranga e libertar-se do jugo da Volkswagen, assumindo-se como uma marca autónoma de modelos desportivos, definida como uma “Premium Performance Brand”. É uma estratégia de dividir para reinar, com vantagens e inconvenientes, que foi já tentada sem sucesso com a Maybach, o que levou a Mercedes a fazer marcha-atrás passado pouco tempo, sendo que a experiência também não está a correr particularmente bem com a Volvo e a Polestar.



PUB — Sente-se tentado a adquirir um Volkswagen Golf R? Descubra aqui a melhor oferta


A Volkswagen R será lançada como marca independente em breve, mas já no Verão passará a usufruir de um pavilhão exclusivo com 100 m2 no Autostadt, em Wolfsburg, um centro de interacção e de promoção das marcas do grupo que inclui também um museu, junto à sede e principal fábrica da Volkswagen. Curiosamente, esta decisão da marca alemã surge num momento em que está iminente a legislação europeia que irá impedir os veículos de excederem os limites de velocidade, para tentar limitar os acidentes e os mortos na estrada, o que potencialmente retirará interesse aos modelos mais potentes e desportivos.

Reinhold Ivenz lidera a Volkswagen R

Além do mencionado pavilhão, a Volkswagen R tem um responsável na pessoa de Reinhold Ivenz, que recordou a tradição de modelos R no fabricante alemão, garantindo que, com a aposta nos modelos eléctricos, o objectivo é reforçar o foco numa marca desportiva. E nem só de veículos vai viver o novo pavilhão do Autostadt, pois os responsáveis germânicos apostam no e-gaming para alimentar o entusiasmo pelo desporto automóvel e, em particular, em torno da Volkswagen R. A dinamização de uma comunidade “Amigos do R” e “R & Café” visa aproximar ainda mais os potenciais fãs através de eventos específicos.

A Volkswagen R foi originalmente apresentada em 2002, como uma divisão da marca alemã, tendo surgido um ano depois o primeiro veículo a envergar o símbolo “R” — o Golf R32, equipado com o motor VR6 com 3,2 litros e 241 cv. Hoje a marca comercializa outro R, o Golf R lançado em 2021 e equipado com o sistema 4Motion de tracção integral, que extrai de um motor 2.0 Turbo 320 cv, ou 333 cv na versão 20.º Aniversário. Resta agora conhecer o que a nova Volkswagen R reservará para os seus potenciais clientes.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Fonte: Observador

Scroll to Top