Depressão Nelson. Duas pessoas morrem em Espanha após serem arrastadas por ondas gigantes

Um homem e uma mulher morreram esta quinta-feira, em Espanha, depois de serem arrastados pelas ondas e caírem ao mar. Os dois incidentes ocorreram por volta das 13h00, quase em simultâneo, mas em localizações diferentes da costa espanhola. O primeiro em San Esteban de Pravia, nas Astúrias, onde um turista que tinha ido observar as ondas caiu à água e foi arrastado pelas ondas, avança a EFE.

A segunda vítima mortal encontrava-se a menos de sete quilómetros de distância, na cidade vizinha de Cudillero. Enquanto passeava no porto de pesca local, uma mulher terá sido arrastada por uma onda. As operações de salvamento foram dificultadas pelas condições meteorológicas adversas.

Depressão Nélson põe todo o país a amarelo devido ao vento. É a primeira do rosário de tempestades até à Páscoa

Devido ao efeito da tempestade de Nelson na costa cantábrica, as ondas podem atingir até sete metros. O Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) antecipou “agitação marítima forte num período de tempo alargado que pode ir até dia 30 [sábado], em especial na costa ocidental, com ondas de noroeste com cinco a sete metros de altura significativa”. A Autoridade Marítima Nacional (AMN) e a Marinha pedem à população em geral que não passeie ou faça atividades junto ao mar, e que evite o acesso e permanência junto às falésias e zonas de arriba.

Prevê-se ainda “períodos com vento forte, a predominar do quadrante oeste, com rajadas até 85 km/hora, podendo ser superiores a 100 km/hora nas terras altas”. Além disso, “prevê-se precipitação persistente, por vezes forte e acompanhada de trovoada, pelo menos até ao domingo de Páscoa. Essa precipitação será frequentemente sob a forma de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela e das serras do extremo Norte, podendo em alguns períodos baixar a cotas a rondar os 1.000 metros de altitude”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Fonte: Observador

Scroll to Top